Atualidade

Cupido moderno ...

PI 7804 - MUTIRÃO DA CONCILIAÇÃO - PREFEITURA

Quem procura um amor na internet geralmente reclama da dificuldade de encontrar alguém com interesses parecidos. Mas o pessoal do OKCupid, aquele famoso site gringo de relacionamentos, descobriu que, para que dois opostos se atraiam, é só convencê-los de que não são opostos. A conclusão, como você vai ver a seguir, até faz sentido e é interessante para ajudar a entender como as pessoas funcionam. O problema foi o jeito que eles fizeram para chegar a ela.

O OKCupid funciona mais ou menos assim: você preenche seu perfil com informações pessoais, coloca uma foto que te valorize, espera o algoritmo do site fazer uma mágica e, no final, descobre quem são os desconhecidos com os quais você tem mais chances de combinar. Esse resultado vem em porcentagens. Quanto mais alto o seu match com uma pessoa aleatória, maiores as chances de o relacionamento dar certo. Em teoria, claro.

O que o pessoal do site fez foi dar uma bagunçada nessas porcentagens. Para um usuário que tinha 30% de match com outro, o site mostrava que a compatibilidade era 90%. E para várias pessoas que tinham 90% de chance de sucesso no relacionamento com outra, o site mostrou só 30%. Aí os administradores do OKCupid começaram a observar as consequências dessa manipulação. E perceberam que quando você acha que tem tudo a ver com uma pessoa, você realmente começa a agir como se tivesse. É bizarro.


fonte: superinteressante




... adorei!

Fonte:

Gostou? então compartilha ai!