Cuiabá - MT, 29/06/2022 às 20:57 hs

Política

Chegada de indústria chinesa em Várzea Grande vai acelerar a implantação do Parque Tecnológico em Mato Grosso

Várzea Grande vai dar um salto em sua principal área econômica, a prestação de serviços, além de ampliar a implantação de novas indústrias que vão também gerar emprego e renda e inserir diretamente o município no setor mais economicamente ativo, o agronegócio com a produção de maquinários, implementos e inovações empreendedoras com o início das atividades do Parque Tecnológico.
“Mesmo antes de estar com sua estrutura completa, o Governo do Estado e a Prefeitura de Várzea Grande vão colocar em funcionamento as primeiras indústrias e empresas do Parque Tecnológico”, disse o prefeito Kalil Baracat que está em Santa Catarina, mais precisamente em Florianópolis conhecendo ACATE - Associação Catarinense de Tecnologia, a mais antiga unidade de um Parque Tecnológico no Brasil.

Recentemente o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso, Maurício Munhoz confirmou ao prefeito Kalil Baracat que a gigante chinesa Xuzhou Construction Machinery Group (XCMG), quinta maior do mundo na fabricação de máquinas pesadas para construção civil, que hoje é que mais gera emprego e renda no Brasil, vai marcar o início das atividades empresariais no Parque Tecnológico de Mato Grosso.

O mesmo grupo instalou sua primeira linha de produção fora da China em Pouso Alegre, Minas Gerais, que deverá ser a segunda etapa do que o prefeito Kalil Baracat considera como a Caravana de Prospecção de novos Investimentos para Várzea Grande.
“Não vamos esperar. Estamos indo atrás daqueles que manifestaram interesse em vir para Mato Grosso e mesmo para aqueles que ainda não conhecem as nossas potencialidades para despertar o interesse e trazer novos investidores, novos parceiros. 

Como temos encontrado reciprocidade do Governo Mauro Mendes, que na realidade é que podem conceder os melhores incentivos, estamos literalmente garimpando, prospectando novos negócios”, disse Kalil Baracat .
 
“As palavras de ordem são inovar e empreender e aquilo que estiver ao nosso alcance nós vamos fazer, acelerar o desenvolvimento e a chegada de novos parceiros, gerando emprego e renda”, disse Kalil Baracat.

O prefeito disse, ainda,  ter ficado satisfeito e principalmente impressionado com as inovações empreendidas em Santa Catarina e abriu conversações para ver como a ACATE pode ajudar e acelerar a chegada de empresas e indústrias no Parque Tecnológico e fomentar ainda mais o Polo Educacional, outra frente que está em implantação e vai potencializar a prestação de serviços na segunda maior cidade de Mato Grosso.

“Vamos dar um passo gigantesco como que Várzea Grande retome sua condição de Cidade Industrial”, frisou Kalil Baracat que sinalizou que “não vai faltar apoio da Administração Municipal para quem quer vir para cá, trabalhar, gerar emprego, renda e acelerar o desenvolvimento de Várzea Grande”, frisou.

Fonte:

Gostou? então compartilha ai!